quarta-feira, 18 de novembro de 2009

ARTESANATO DO MARANHÃO

Buriti, urucum, pequi  do Maranhão
Entendo que nenhuma outra manifestação cultural diz tanto sobre a identificação de um povo quanto o artesanato. Concebidas a partir do olhar curioso e criativo, e nas descobertas de materiais, sentimentos e lembranças aplicados sobre eles. Para esses artesãos a obra é relativamente simples porque eles já dominam todo o processo. O resultado então é uma imensa galeria de idéias e coisas.
No Maranhão, como em todo o Brasil, essa manifestação brota a cada instante, um exemplo são as vilas de Barreirinhas e Tutóia, onde as artesãs com sementes e fibras de buriti apresentam artesanatos que estão sendo exportados pro mundão, o que resulta em geração de renda para a comunidade. O que procuramos fazer aqui é apontar os caminhos dessas descobertas, mostrando apenas um pouco e deixando a sua imaginação fervilhar, são bolsas, sandálias, painéis, almofadas e outros acessórios, com uma variedade cromática em diversos matizes. Tudo é confeccionado com palhas e pigmentos vegetais da região, como urucum, salsa, pequi e babaçu extraídos das áreas próximas. Todo o processo seguindo orientação, para que esses materiais não sejam descartados ou mal aproveitados ai esta a transformação do grande diferencial do artesanato dessas comunidades. O resultado final esta ai, ao seu olhos é impressionante.Vale a pena.





Allexincasa/ Arteemter 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário